sexta-feira, 26 de abril de 2013

pecado

De fato, para quem se apropriou do Evangelho, "pecado" não é assunto. E ainda mais, se de "pecado" se quer falar, "pecado" é não crer que Cristo perdoou todos eles, quem não crê nisso está em pecado. Pois, que o pecado tem sua força no "não toques", "não proves", "não manuseies", enfim, tem sua força na Lei, porém Cristo é o fim da Lei para justiça de todo aquele que crê que perdoados estão todos os seus pecados, os que já aconteceram e os que ainda acontecerão. A força do pecado morreu na Cruz. Só assim se pode dizer "Graças a Deus!", de outra forma se dá graças a Deus em medo e pânico da condenação, da morte, e do inferno: Se dá graças a Deus sem de fato estar experimentando gratidão no espírito.

Nenhum comentário:

DRUMMOND SEM TRIUNFOS

Chega um tempo em que só se diz "meu Deus" Tempo de inabissoluta depuração Tempo em que se diz "meu amor" Pois o...